quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Parabéns a MIM que faço 24 anos


Parabéns

12 de Janeiro, eu faço 24 anos. Quem diria?
Acreditem ou não...à cerca de 10 anos atrás, eu tinha a plena certeza que talvez eu nem sobrevivesse até completar 18 anos. E cá estou eu, INTEIRA, VIVA E COMPLETA!
Mas a garota que eu era, continua aqui! Sou exatamente a mesma pessoa...que gosta de correr à chuva, que odeia sem pudor e ama infinitamente. Que tem ideais bem definidos e ao contrário do que alguns pensam, não se deixa influenciar. 
Que não sendo ingénua, ainda acredita num mundo bonito, mesmo que o HOMEM tente destruí-lo todos os dias. 
Que ama animais e a natureza. Que daria a vida por quem ama, sem qualquer questionamento. 
Mas que...pode contar por uma mão o número de pessoas que realmente significam algo. 
Essa sou eu....a garota de à 10anos atrás e a garota de hoje!
A garota que não tem meio termo e nem quer tê-lo!
Essa sou eu....
Quero crescer todos os dias...abraço os acrescentos que a vida me deu. 
Mas mudar?! Ser diferente?! Viver sobre as regras dos outros para ser bem vista numa sociedade que não me interessa minimamente?! Não Obrigada!
Porque sabem o que é mais bonito em mim aos 24 anos?!
É que eu sou LIVRE!
E contrariando todas as probabilidades, sou inteiramente feliz!
Segui meu coração para todas as decisões da minha vida. Ignorei conselhos, não ouvi ninguém que me disse que não ia dar certo, que eu me ia dar mal e que eu não era capaz!
E adivinhei só?!
Não podia ter corrido melhor.
Claro, cometi alguns erros. Fui cruel com pessoas que mereciam mais. Tive momentos que me desviei da estrada e duvidei se conseguiria achar o caminho de volta a casa.
E aprendi...que nunca é tarde para pedir perdão, para fazer melhor, para ser melhor. 
E hoje, aos 24 anos, sei que não existem limites quando acreditamos que somos capazes. Não existem entraves quando se deixa de olhar para trás. Não existem cordas que nos amarrem quando matamos nossos demónios, tapamos nossos ouvidos e corremos na direcção que nosso instinto nos grita!
Afinal o que pode correr mal? 
Ou consegues o que desejas e és a pessoa mais realizada do mundo, ou...a vida dá-te uma chapada, dói por uns tempos, aprendes e fazes melhor.
Se não tentares por medo ou porque alguém te diz que vais falhar...vais ter 80 anos e não viveste nada do que sonhaste aos 15. 
E eu...Hoje...Estou ONDE quero estar, com QUEM quero estar e como QUERO estar! 
Correr Riscos compensou tudo na minha vida!
Parabéns a MIM!


1 comentário:

  1. Obrigada pela partilha!
    Muitos Parabéns Emma :)
    De toda a Equipa Swonkie
    https://swonkie.com

    ResponderEliminar