sexta-feira, 13 de julho de 2018

APAIXONEI-ME POR ELE QUANDO AINDA ERA PADRE





Esta semana, foi conhecida uma historia de amor pela internet que eu não podia deixar de partilhar aqui convosco, porque obviamente, querendo ou não, directa ou indirectamente defendo o movimento LGBTQ por diversas razoes, mas claramente, porque também pertenço a ele. 



Giuliano Costalunga era um padre que a certa altura da sua vida se viu perante um cancro, iniciando os tratamentos para o combater. E foi aqui que tudo começou...
Giuliano conheceu Paolo no hospital e os dois tornaram-se amigos inseparáveis. A amizade foi crescendo até ao ponto em que Giuliano se encontrou perante a situação mais complicada da sua vida...ele era padre e estava apaixonado por um Homem! 



Decidiu que queria viver aquele amor e que com certeza, Deus não o abandonaria mesmo que ele tivesse que abandonar a igreja. Escreveu uma carta ao bispo onde resignava a sua condição de pároco para poder casar com o homem da sua vida. 

Paolo e Giuliano vivem, casados, nas Canárias onde são muito bem aceites na comunidade. Ambos frequentam as missas aos Domingos e afirmam que é fundamental terem Deus em suas vidas. 

Uma pequena história onde prova que o amor é mais forte....



 

Sem comentários:

Enviar um comentário